Evaluation of the penetration of chlorides in concrete elements in the city of Pelotas / RS

Carina Farias Ferreira, Charlei Marcelo Paliga, Ariela da Silva Torres

Abstract


The durability of concrete constructions can be analyzed in several ways. This research aims to verify the compatibility of an existing predictive model of life with the penetration of chlorides in exposed concrete elements in the city of Pelotas / RS. To this end, the samples were exposed at different locations in the city for a period of 16 months and silver nitrate solution was applied to determine the depth of the chlorides. The Bob model (1996) was used for comparison and analysis of the results. Significant values of chloride were found in the elements and a great potential of the model applied when describing the behavior of the depth of chlorides over time, despite the differences found.


Keywords


conservation; concrete structures; chlorides; natural test; prediction models

References


Andrade, J. J. O. (2001), “Contribuição a previsão da vida útil das estruturas de concreto armado atacadas pela corrosão de armaduras: Iniciação por cloretos”. Tese de Doutorado em engenharia, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, p.277.

Associação Brasileira de Normas Técnicas (2007). NBR 5739: Concreto – Ensaio de compressão de corpos-de-prova cilíndricos. Rio de Janeiro.

Associação Brasileira de Normas Técnicas (2014). NBR 6118: Projeto e execução de obras de concreto armado – Procedimento. Rio de Janeiro.

Bertolini, L. (2010) “Materiais de construção: patologia, reabilitação, prevenção”. Tradução Leda Maria Marques Dias Beck, São Paulo, Oficina de Textos, p.414.

Bob, C. (1996), “Probabilistic assessment of reinforcement corrosion in existing structures”. In: International conference: concrete repair, rehabilitation and protection. Proceedings, Dundee, pp.17-28.

Carmona, T. G. (2005), “Modelos de previsão da despassivação das armaduras em estruturas de concreto sujeitas à carbonatação”. Dissertação de Mestrado em engenharia, Universidade de São Paulo, São Paulo, p.103.

Estação Agroclimatológica de Pelotas. “Boletim Agroclimatológico”. Disponível em Acessado em: 15.jan.2016.

Gentil, V. (2003), “Corrosão”, Rio de Janeiro, LTC, p.341.

Helene, P. (1997) “Introdução da durabilidade no projeto das estruturas de concreto”. Ambiente Construído, São Paulo, v.1, n.2, pp.47-57.

Norma Técnica Fondonorma (2012). NTF 4015 –Concreto. Durabilidad. Santiago de Léon de Caracas.

Real, L. V., et al. (2015), “Método colorimétrico por aspersão de nitrato de prata para avaliação da penetração de cloretos em concreto: estado da arte”. Revista Alconpat, v.5, nº2, pp.149 – 159. DOI: http://dx.doi.org/10.21041/ra.v5i2.84

Santos, F. S., et al. (2012), “Estudo das características físico - químicas da água do Canal Prolongamento da Av. Bento Gonçalves – Pelotas – RS”. In: Congresso norte nordeste de pesquisa e inovação. Anais. Palmas.

Silva, F. G. S. (2006),“Estudo de concretos de alto desempenho frente à ação de cloretos”. Tese de Doutorado em Ciência e Engenharia dos Materiais, Universidade de São Paulo, São Carlos, p.236.

Souza, M. F. (2015), “Qualidade da água do canal São Gonçalo RS/Brasil – uma avaliação hidroquímica e considerando seus usos múltiplos”. Dissertação de Mestrado em recursos hídricos, Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, p.105.

Souza, V., Ripper, T. (2009), “Patologia, recuperação e reforço de estruturas de concreto”, São Paulo, Pini, p.255.

Vieira, F. M. P. (2013), “Contribuição ao estudo da corrosão de armaduras em concretos com adição de sílica ativa”. Tese de Doutorado em engenharia, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, p.242.




DOI: http://dx.doi.org/10.21041/ra.v8i2.266

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


 

Reservation of rights for exclusive use No.04-2013-011717330300-203  e-ISSN: 2007-6835. Revista ALCONPAT, Copyright © 2011 - 2017